Guriri – conheça as atrações da praia de São Mateus

3

Guriri é um bairro no litoral de São Mateus e é a praia escolhida por muitos mateenses e por outros moradores do Norte do Espírito Santo.

Esse balneário tem como principal período de agitação o Verão, mais especificamente o Carnaval. As praias é claro também ficam bem cheias, mas você verá que há muuuito espaço para se sentir desde uma sardinha em lata até sozinho em uma praia deserta.

Ah, e a água do mar é morninha!

Continue lendo para conhecer as atrações de Guriri e saiba também como chegar lá. Conheça inclusive a Casa de Cabeça para Baixo, a nova atração da região.

Como chegar em Guriri

Guriri é uma ilha cercada pelo Rio Cricaré (também conhecido como São Mateus), pelo Rio Mariricu (que é um desvio do Cricaré) e pelo Oceano Atlântico. No extremo Norte você tem a vista para a sede de Conceição da Barra e no Sul está Barra Nova, e, para chegar de carro até a ilha, você só tem um único caminho por só existir uma única ponte ligando o balneário ao continente. Veja a seguir como fazer esse caminho.

Guriri fica a uns 10 Km da sede de São Mateus. A região da sede está com várias ruas em sentido único, então a melhor maneira para chegar lá é seguir as orientações do aplicativo de GPS do seu celular.

Se preferir uma orientação por escrito, vamos tentar uma mais simples, que pode ser um pouco diferente da indicação do seu GPS: vindo de Vitória e chegando a São Mateus, pegue a primeira saída à direita e siga pela rua lateral à BR-101 por uns 600 m. Então, é só dirigir por 1 quarteirão para dentro da cidade e virar à direita na R. Monsenhor Guilherme Schimidt.

De lá, o caminho é direto até Guriri, passando pela Rodovia Othovarino Duarte Santos (ES-315). A estrada está bem asfaltada e com dois pequenos trechos recém duplicados.

Veja no mapa a seguir esse trajeto, bem como a localização das atrações que iremos citar ao longo do texto.

Isso tudo claro se você for de carro. Mas há ainda a opção de ir de ônibus. A empresa que realiza viagens intermunicipais até São Mateus é a Águia Branca. Há uma linha que sai direto da Rodoviária de Vitória e vai até o centro de Guriri.

Também há a opção de ir de Águia Branca até a rodoviária no centro de São Mateus e lá pegar um ônibus de linha municipal para Guriri, que tem saídas a cada 20 minutos ao longo do dia. Pergunte ao chegar onde fica o ponto dessa linha.

Indo direto de Vitória, Guriri está a umas 3:30 h de Vitória de carro e de ônibus é uma viagem de umas 4:30 h, a depender do trânsito. São aproximadamente 220 Km pela BR-101 em direção ao Norte do Estado.

As praias de Guriri

Vamos começar pela maior atração de Guriri, que são as suas praias!

Gente, água morna!! Para quem está acostumado com as águas frias da Grande Vitória, as águas morninhas de lá vão fazer você ficar relaxando por muito mais tempo dentro da água, sem pressa de sair.

Só na área urbana são 3 Km de praia, fora mais 22 Km até Barra Nova, na foz do Rio Mariricu, e mais 14 Km até a Boca da Barra, onde o Rio Cricaré desemboca no mar. Somaram? São 39 Km de praia na Ilha de Guriri!

As praias do centro são mais movimentadas, ficando bem lotadas a depender da época do ano. Entre as restingas cercadas e protegidas, há dezenas de entradas para a praia. Fora os bares e restaurantes do outro lado da avenida, há ambulantes vendendo alimentos e bebidas padrões nesse ambiente praiano, como milho e picolé.

Ao longo da praia central há ainda uma ciclovia e um calçadão bem cuidados, para praticar sua corrida, pedalada ou simplesmente caminhar à beira do mar.

Já as demais praias são bem desertas! Para acessá-las, basta seguir pela avenida litorânea por estradas de terra bem batida e escolher o ponto que te agradar. Muitas pessoas praticam a pesca, outras ficam só tomando sol, mas as areias desérticas estão aí para você se sentir isolado do mundo e curtir um bom banho de bar com águas mornas.

Como destaque, mais para o Sul – lado direito do mar – há uma área conhecida como Bosque da Praia, ou simplesmente Bazoni – sobrenome do proprietário de vários terrenos nessa área. A uns 3 Km da área urbana, esse espaço possui vários pinheiros fazendo uma excelente sombra, uma pequena infraestrutura com bar e possibilidade de você fazer o seu churrasco na praia. Apesar de não ser uma área deserta, ao menos é um espaço com infraestrutura que não fica lotadão como no centro.

Se seguir mais uns 20 Km para o Sul, encontrará outro balneário: Barra Nova, que apresentamos a seguir.

Outro destaque: na ponta mais ao Norte da ilha está a Boca da Barra. O acesso até lá já é mais complicado, porque a estrada acaba um pouco mais afastado da areia. Basta caminhar 600 m até a praia, passando por um farol, e depois mais 1 Km até a foz do Rio Cricaré – dá para ir de carro pelas areias, na maré baixa, se tiver um 4×4. A vista lá é muito bonita, dando de frente para Conceição da Barra, e um pouco mais para dentro está uma região de mangue.

Barra Nova

Barra Nova não é exatamente Guriri, mas também faz parte da ilha e vale muuuuito a pena dar uma esticadinha até lá. Localizado a 25 Km de Guriri e bem onde o Rio Mariricu desemboca no mar, esse balneário é lindo e bem diferente das demais praias da região.

Lá há duas partes bem distintas: a primeira é um grande “lago”, com águas bem calmas, onde estão bares, saídas de barco para passeio e a maioria das pousadas.

A outra parte é próxima ao mar, com áreas de águas calmas, de pequenas corredeiras, rasas e com bancos de areia no meio do rio. Tem de tudo e é de se apaixonar. <3

Nós já detalhamos muita coisa sobre Barra Nova neste post aqui, então vá lá e confira que tem várias fotos, além de mostrarmos como chegar.

Casa de Cabeça para Baixo

A atração mais nova de Guriri é um empreendimento de um morador local, que resolveu construir a sua casa de uma maneira inusitada: a fez de cabeça para baixo.

Com bastantes detalhes e muito bem feita, a casa está atraindo vários turistas para conhecê-la. Ela está a 3,5 Km do centro, e para achá-la basta seguir para o Sul pela Av. Esbertalina Barbosa Damiani e virar à direita no começo do Loteamento Mar Aberto. Dê uma olhada no mapa lá em cima que você verá a localização exata da casa.

Os proprietários cobram um valor simbólico de R$ 3 para entrar (preço de fevereiro de 2017), e esse dinheiro será revertido para a compra dos demais móveis da casa. Como ela havia sido inaugurada recentemente quando fomos visitá-la, por dentro só havia um móvel invertido.

Mas há vários detalhes por fora da casa que dá para apreciar. No mais, é admirar a criatividade e a capacidade técnica dos proprietários de realizarem essa façanha de fazer uma casa de cabeça para baixo.

Centro de Guriri

O centro de Guriri é a área mais agitada do bairro, e não por coincidência é também onde estão os principais comércios – lojas, restaurantes, bares e barracas de comida e bebida.

Lá ocorrem os eventos de Carnaval e Verão, junto com um trecho da avenida da orla. Normalmente são montados palcos e arenas para apresentação de shows e outras atrações – já vi rolar até uma arena de MMA! – e o trio elétrico anda pela orla arrastando milhares de pessoas.

Devido à grande movimentação nessas épocas, boa parte da avenida principal fica fechada para carros, com trânsito livre para pedestres.

De restaurantes, há opções de churrascaria, petiscarias, comida espanhola e pizzaria. Para lanches, você encontra lugares para comer hambúrguer, pastel, açaí e sorvete. E tem por lá também várias lojas de produtos praianos, roupas de banho, bijuterias e roupas femininas.

Igrejinha de Guriri

A Igrejinha de Guriri é uma capelinha que fica na beira da praia, bem na região central de Guriri. Foi fundada em 1975 e seu nome oficial é Capelinha Nossa Senhora dos Navegantes.

A atração é mais por ela ser uma construção fofinha, já que ela fica fechada normalmente.

Projeto Tamar em Guriri

O Tamar também tem uma base para preservação das tartarugas marinhas da região, acompanhando-as desde Urussuquara, ao Sul, até Conceição da Barra, ao Norte de Guriri.

Nós nunca visitamos essa base, então fica só a sugestão de ir lá conhecer, ligando antes para o telefone indicado em seu site para saber horários e dias de funcionamento: (27) 3761-2104 – sinceramente, tentamos buscar mais informações, mas não conseguimos falar com eles.

Guriri Beach Acqua Park

O Guriri Beach Acqua Park é um parque aquático relativamente grande, que fica bem próximo do Projeto Tamar. Lá você vai encontrar três piscinas enormes, sendo uma bem rasa para as crianças ficarem livres, os tradicionais toboáguas e kamikaze, parquinho infantil, rio de correnteza, entre outras atrações.

Para entrar lá, você pode ser sócio, pagar o ingresso de convidado de um sócio ou pagar um ingresso avulso. Confira diretamente no site do parque os valores e quem tem direito à gratuidade (idosos e crianças menores de 1 m).

Basicamente, o parque está aberto somente nos finais de semana e feriados nacionais, das 9:30 h às 17 h, abrindo também todos os dias de janeiro e no Carnaval. Veja novamente no site que há um calendário de dias de funcionamento.

Nós não chegamos a ir, então não podemos opinar sobre o local. Qualquer dúvida, entre em contato diretamente com eles pelos telefones (27) 3761-1331 e (27) 99748-8001.

Onde se hospedar em Guriri

Quer ir para Guriri e passar vários dias? Uma maneira é juntar a família e amigos e alugar uma casa de temporada. Há vááárias opções, basta procurar nos sites que ofertam aluguel para temporada, como o OLX.

Outra opção é ir para uma pousada. São mais de 20 em Guriri, fora as de Barra Nova, e muitas delas na orla – mas também tem outras muito boas mais para dentro do bairro, que não fica tão longe da praia. Clique neste link do Google Maps e vai dando zoom para ver as pousadas existentes na região.

***

Agora é com você para escolher se hospedar no lugar que tiver localização, instalações e preço que melhor te agradar e ir curtir as belezas de Guriri!

Qualquer dúvida, só perguntar aqui embaixo na caixa de comentários que tentaremos te ajudar. 😉